O Melhor Advogado: 3 regras de ouro para a escolha.

Os assuntos que o direito abrange são inúmeros e escolher o melhor advogado para sua causa é fundamental para atingir seu objetivo com sucesso.

 

169-580x390

 

Uma gripe ou resfriado é algo que um médico pode tratar com facilidade, porém para problemas cardíacos ou psiquiátricos complexos você vai precisar de especialistas nestas áreas. No direito funciona da mesma maneira: Ações simples podem ser atendidas com tranquilidade por advogados generalistas, que conhecem diversos campos do direito. Já ações complexas requerem uma especialidade maior, com conhecimento mais aprofundado e específico em relação ao tema. É possível que advogados atendam causas diversas e sejam especialistas em áreas mais complexas, porém você precisa buscar saber se ele realmente domina o assunto e é o melhor advogado para lhe atender.

 

Quem é o melhor advogado?

 

1. O especialista.

 

O Direito Previdenciário, assim como o Direito Tributário, são ramos que exigem uma enorme dedicação, pois têm uma legislação complexa e que requer atualização constante, acompanhamento cotidiano das modificações na lei e nas decisões dos tribunais. Casos como de Servidores Públicos e Professores que não possuem Regime Próprio de Previdência Social (o que acontece em centenas de Prefeituras),  de Brasileiros Residentes no Exterior,  de Servidores Públicos que laboram com insalubridade e até mesmo a Aposentadoria Especial de não servidores são exemplos nos quais é indispensável um conhecimento aprofundado e atualizado da questão. Assim, a regra de ouro para contratar o melhor advogado para a sua causa é buscar aquele que é especialista no assunto a ser tratado.

 

Porém, vale ficar atento ao fato de que advogados de cidades pequenas nem sempre podem se dar ao luxo de atender exclusivamente certos tipos de causas, mas mesmo assim podem ser especialistas. Busque se informar nesse sentido – com frequência a própria fachada do escritório explica a especialidade do profissional.  Outra maneira de verificar a especialidade é através da internet, em especial redes sociais e blogs. Na advocacia moderna, os profissionais tendem a ajudar as pessoas que estão buscando determinado direito e, especialmente em questões complexas, tratam do assunto publicamente. Isso demonstra seu conhecimento e especialidade. Então busque se informar sobre a especialidade do profissional também no mundo virtual.

 

2. O que atende melhor.

 

Ainda, é importante observar os canais de atendimento disponibilizados e a agilidade de resposta que a equipe possui. O melhor advogado não é apenas o especialista, mas aquele que o atende adequadamente. Nada adianta contratar um profissional que não lhe dá retorno sobre seu caso. Através de canais virtuais é importante que o advogado dê bastante atenção e responda com clareza ao cliente. E-mails e redes sociais permitem que o contratante tire dúvidas de qualquer lugar e que o profissional responda assim que possível, sem depender de agendamento de consulta.

 

3. O que mantém você informado.

 

É comum encontrar pessoas que não sabem em que estágio está o processo que possuem em andamento. Esta é uma informação que possui muito valor ao cliente e que, em alguns casos, é menosprezada pelos advogados. Um meio que encontramos para manter os clientes atualizados dos processos foi através do envio de SMS a cada movimentação – sempre que o processo muda de fase ou realizamos alguma movimentação, notifica-se por SMS.

 

Assim, é preciso pensar muito bem na hora de escolher o melhor advogado. A qualidade e conhecimento das questões, bem como a facilidade de comunicação e informações sobre o andamento do processo são alicerces para segurança e tranquilidade durante o desenrolar da causa.

 

 

13-580x155

Banner das nossas regras de uso de conteúdo. Clique nele e saiba como ter permissão para utilizar nosso texto em seu site ou blog.