Melhores países para brasileiros trabalharem no exterior

Melhores países para brasileiros trabalharem no exterior

Trabalhar no exterior é o desejo de muitos brasileiros, seja por objetivos profissionais ou qualidade de vida. Mas, você sabe quais os melhores países para brasileiros trabalharem no exterior?

Existem inúmeros motivos para trabalhar no exterior, seja por crescimento profissional, imersão em uma nova cultura, aprender um novo idioma, bem como aqueles que buscam qualidade de vida. Independente do objetivo, sempre se deve pesquisar e planejar com antecedência.

Morar fora é sair da zona de conforto, do seu país e seu idioma. Por isso, é muito importante escolher um lugar onde seu perfil seja condizente com o do país escolhido.

Abaixo elencamos os principais países que contratam brasileiros para trabalharem no exterior de forma legalizada. Cada um com suas peculiaridades e características. O objetivo é fazer a escolha mais sensata diante das possibilidades – por isso, sempre pesquise!

Canadá

O Canadá possui muitas oportunidades para imigrantes, pois precisam de uma alta demanda de mão de obra qualificada. Por isso, o governo Canadense criou diversas políticas de incentivo à imigração – favorecendo aqueles que querem morar no país, como brasileiros.

É considerado um dos melhores países para se trabalhar, tendo em vista a qualidade de vida e os salários. Os salários mínimos variam de província para província, porém em geral são entre R$ 21,50 a R$ 28,30 por hora.

Além disso, os serviços públicos são eficientes, há segurança e a educação está entre uma das melhores do mundo. Porém, tenha consciência das baixas temperaturas que esperam no país – o inverno é rigoroso, diferente do que os brasileiros estão acostumados, além de existirem algumas diferenças culturais também.

Há mais de 60 maneiras possíveis de morar legalmente no Canadá. É importante pesquisar sobre cada programa e suas especificações para analisar qual se encaixa melhor no seu perfil.

Austrália

A Austrália é considerada um dos melhores países para brasileiros trabalharem. Essa fama é decorrente dos salários satisfatórios, de serviços públicos de qualidade, pela semelhança do clima e pela hospitalidade dos australianos.

O salário mínimo é estabelecido por funções, porém a média é em torno de R$ 7.300,00 por mês. Entretanto, o custo de vida é alto na grande maioria das cidades.

O país possui um programa de imigração bem estruturado. No site oficial do governo australiano é possível encontrar um material completo que aborda tudo o que é necessário saber para começar uma nova vida em terras australianas.

Irlanda

Já quem quer morar na Europa e sabe falar inglês, um país muito requisitado por brasileiros é a Irlanda. O país possui boas oportunidades para quem possui mão de obra qualificada, por isso os brasileiros formam uma das maiores colônias estrangeiras lá.

Além de ser um país exuberante, a Irlanda está do lado de vários países europeus. O que possibilita conhecer muitos lugares e culturas diferentes em um curto espaço de tempo. A qualidade de vida é boa, porém o custo de vida é alto – principalmente aluguéis. É comum conhecer brasileiros que dividem residência para poupar dinheiro.

Há muitas oportunidades na área de Tecnologia da Informação – muitas vezes até solicitando candidatos fluentes em português. Existe demanda para profissionais com e sem formação acadêmica. O site oficial irlandês disponibiliza mais informações e detalhes sobre os processos de imigração para a Irlanda e tipos de visto.

Nova Zelândia

A Nova Zelândia é um país que merece atenção dos brasileiros – apesar de um destino não tão comum, é considerada um dos melhores países para brasileiros trabalharem. Possui características muito parecidas com a Austrália quanto à qualidade de vida e hospitalidade. Além de não possuir um custo de vida tão alto como no país vizinho.

O país apresenta um dos menores índices de desemprego do mundo. Tem uma economia aquecida e o turismo prospera o ano inteiro – tanto no inverno quanto no verão. Além de possuir belezas naturais que impressionam todos com suas paisagens.

A imigração para profissionais qualificados é aberta tanto para visto temporário quanto para residência permanente, desde que cumpra os requisitos. O interessado pode fazer um teste no site oficial do governo para verificar se atende à pontuação mínima exigida. Tenha em mente que depois as informações terão que ser comprovadas com documentação e entrevista.

Estados Unidos

Os Estados Unidos possui uma imigração conhecida por ser rígida, porém ainda sim, é um dos países que mais contrata brasileiro. O importante é ir para o país com um contrato de trabalho já firmado e um planejamento realizado.

A qualidade de vida no país atrai imigrantes do mundo inteiro, então há bastante miscigenação. Dependendo do Estado escolhido para morar, as características podem ser mais ou menos distintas do povo brasileiro – mas, isso depende muito do perfil de cada um. Além disso, o clima varia de região para região – devido à dimensão territorial dos Estados Unidos.

Portugal

Portugal é um país muito procurado por aqueles que querem morar e trabalhar no exterior, mas não dominam a língua inglesa. A proximidade entre portugueses e brasileiros também auxilia na adaptação no país. Além de morar na Europa e poder conhecer outras culturas e países.

A qualidade vida no país é muito boa – o serviço público funciona, como saúde e transporte. A sensação de segurança também é real, diferente do que encontramos hoje no Brasil.

Entretanto, os salários em Portugal não são muito altos e a qualidade de vida não é muito baixa. É um país para se viver bem, porém difícil de criar uma poupança se você quer manter uma qualidade de vida.

Pela proximidade de idioma, não é difícil encontrar um emprego qualificado em terras portuguesas. Mas, como em qualquer situação, é sempre indicado já sair do Brasil com um contrato de trabalho para não encontrar surpresas nesta mudança.

Graduada em Relações Internacionais (ESPM) com MBA em Marketing Estratégico (Unisinos). Possui larga experiência em gerenciamento de contratos internacionais com governo brasileiro e empresas privadas.

Fernanda Gomes: Graduada em Relações Internacionais (ESPM) com MBA em Marketing Estratégico (Unisinos). Possui larga experiência em gerenciamento de contratos internacionais com governo brasileiro e empresas privadas.