fbpx
A imagem mostra uma mulher concentrada, usando o computador, e ilustra a publicação

Aposentado desconta INSS? Entenda o que deve pagar.

Quem é aposentado só desconta do INSS se continuar trabalhando. Caso você não continuar trabalhando, então não precisa se preocupar com contribuição previdenciária. Neste texto explicamos quem é isento, quem continua contribuindo e quais os valores possíveis. Entenda!

Além disso, servidores públicos, sim, devem continuar contribuindo ao RPPS, mesmo se não estiverem em atividade.

E se desejar atendimento com advogados especialistas, entre em nossa área de atendimento.

Aposentado desconta INSS?

Aposentado desconta INSS se continuar trabalhando. Portanto, será o mesmo padrão de todo empregado remunerado. Mas se o aposentado não trabalha, então não há contribuição previdenciária.

Entenda quando o aposentado pode continuar trabalhando.

O que desconta do salário do aposentado?

O que desconta do salário do aposentado do INSS, ou seja, da aposentadoria:

  • imposto de renda;
  • empréstimo pessoal, se o aposentado realizou;
  • pensão alimentícia;
  • dívida com o INSS. 

Por que o aposentado tem que pagar INSS?

O aposentado NÃO tem que pagar o INSS se não continuar trabalhando, ou seja, não se desconta do INSS sobre a aposentadoria do aposentado. Entretanto, o aposentado que paga INSS é porque continua trabalhando, então se desconta INSS sobre a remuneração que o aposentado recebe na empresa.

Portanto, os descontos são iguais para todo empregado. Contudo, se for servidor público aposentado, então continuará pagando contribuição ao seu RPPS. Entenda o caso de servidor público estatutário neste artigo.

Segue os descontos de INSS sobre o salário do empregado: 

  • 7,5% para até um salário-mínimo: R$ 1.412
  • 9% para quem ganha entre R$ 1.412,01 e R$ 2.666,68
  • 12% para quem ganha entre R$ 2.666,69 e R$ 4.000,03
  • 14% para quem ganha entre R$ 4.000,04 e R$ 7.786,02

O texto continua após o vídeo.

O que o INSS não pode descontar do benefício?

O INSS não pode descontar contribuição do benefício do aposentado que não trabalha. Além disso, antigamente, não era permitido o desconto superior a 30% do salário do aposentado, seja em empréstimo ou dívida com o INSS. 

Porém, este limite teve alteração pelo governo federal em 2022. Assim, atualmente o percentual de desconto não pode ultrapassar 35%. Essa modificação veio pela MP 1.106/2022 onde permitiu o aumento de mais 5% na margem consignável.

O texto continua após o formulário.

Quem é isento de contribuição previdenciário?

Todos os aposentados são isentos de contribuição previdenciária, ou seja, não se desconta INSS de aposentado, desde que não exerçam atividade remunerada. Além disso, segurados facultativos, como estudante, dona de casa, não têm obrigação de contribuir com a previdência, mas podem optar, se assim desejarem.

Quanto ao imposto de renda, há isenção para os aposentados que recebem até R$ 2.640,00 em 2024. O valor tende a aumentar a cada ano, busque se informar do valor mais atualizado.

Ademais, aposentados e pensionistas que têm 65 anos ou mais também são isentos e pessoas com doenças graves também podem pedir a isenção do imposto de renda. 

Segue os descontos de imposto de renda para aposentados e pensionistas:

VALOR DO BENEFÍCIO EM 2024 IMPOSTO DE RENDA EM 2024 VALOR LÍQUIDO EM 2024
R$ 1.412,00 R$ – R$ 1.412,00
R$ 1.555,65 R$ – R$ 1.555,65
R$ 2.074,20 R$ – R$ 2.074,20
R$ 2.592,75 R$ – R$ 2.592,75
R$ 3.111,30 R$ 34,34 R$ 3.076,96
R$ 3.629,85 R$ 94,87 R$ 3.534,98
R$ 4.148,40 R$ 172,66 R$ 3.975,74
R$ 4.666,95 R$ 279,53 R$ 4.387,42
R$ 5.185,50 R$ 396,21 R$ 4.789,29
R$ 5.704,05 R$ 538,45 R$ 5.165,60
R$ 6.222,60 R$ 681,05 R$ 5.541,55
R$ 6.741,15 R$ 823,65 R$ 5.917,50
R$ 7.259,70 R$ 966,25 R$ 6.293,45
R$ 7.778,25 R$ 1.108,85 R$ 6.669,40
R$ 7.786,02 R$ 1.110,99 R$ 6.675,03

E se desejar atendimento com advogados especialistas, entre em nossa área de atendimento em 1 clique.

Carolaine Konflanz

Graduanda em Direito, faz parte do time de novos casos na Koetz Advocacia. Atua em direito previdenciário há mais de 9 anos, nas mais diferentes frentes de encaminhamentos de casos. Possui cursos de atualizações em Direito Previdenciário realiza...

Saiba mais

Compartilhar:

A imagem mostra um homem contemplando a paisagem sobre uma bicicleta, e ilustra a publicação
Anterior

Cálculo da aposentadoria por idade: valor, tempo e falta de contribuição.

Próximo

Aposentadoria para dona do lar no INSS

A imagem mostra uma mulher sorrindo, e ilustra a publicação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Faremos mais que o possível para entregar os direitos aos nossos clientes, sempre.

Insira seus dados ao lado e entraremos em contato com você.