Complementação de Aposentadoria do Municipário

Mulher de aproximadamente 50 anos de idade de óculos de grau e camisa em frente ao notebook. Sobre a imagem há grafismos da identidade visual e o logo da Koetz Advocacia. A imagem ilustra o texto "Aposentadoria integral em municípios sem regime próprio de previdência."

Aposentadoria integral em municípios sem regime próprio de previdência.

A Aposentadoria Integral, com valor igual ao último salário da ativa, era devida aos servidores concursados antes da reforma da previdência. Alguns ainda podem conquistá-la pelo direito adquirido. Porém, nos municípios sem regime próprio, nos quais o servidor é obrigado a se aposentar pelo INSS, a aposentadoria integral ocorria com o pagamento pelo município da complementação de aposentadoria. Após a reforma, a complementação ainda existe, mas com cálculo da aposentadoria do servidor diferente. Entenda.

Continue a ler »Aposentadoria integral em municípios sem regime próprio de previdência.

Imagem de uma mulher sentada na sala de casa de frente para o notebook, ao seu lado uma xícara de café. A imagem tem um filtro cinza de acordo com a identidade visual da Koetz Advocacia. No canto inferior esquerdo está a logo branca da Koetz Advocacia. A imagem ilustra o texto “Complementação de Servidor Público em 3 passos”.

Complementação de Servidor Público em 3 passos.

A Complementação de Servidor Público é paga na aposentadoria, para compensar a diferença entre o valor pago pelo INSS e o valor que teria direito. Após a reforma as regras mudaram, então é preciso estar atento. Entenda como ficou e como solicitar.

Continue a ler »Complementação de Servidor Público em 3 passos.